Aproveite

:

quinta-feira, 6 de abril de 2017

Segundo a pasta, o gasto com o kit contendo conversor e antena será de total em torno de R$147, 2 milhões a soma dos valores de R$ 73,6 milhões – R$ 40 milhões com os 160 mil beneficiários do Bolsa Família e R$ 33,6 milhões com os inscritos no CadÚnico, cadastro do governo para ingresso em programas sociais. 

Qual ou quais foram as empresas que ficaram milionárias com dinheiro público?
A diferença nos valores se deve ao tipo de equipamento usado.
De acordo com o ministro das Comunicações, André Figueiredo, os inscritos no CadÚnico receberão um kit mais barato. 
São equipamentos, que não têm obrigatoriedade de ter o Ginga [tipo de receptor com mais recursos], que é apenas a obrigatoriedade para o Bolsa Família. 
Nós estamos fazendo um acréscimo, justamente, que beneficia uma população que tem dificuldades de aquisição de um conversor.”
O conselheiro da Anatel Rodrigo Zerbone afirma que a adoção de equipamentos diferentes acontece porque os fornecedores não têm condições de entregar aparelhos mais complexos na quantidade necessária.

Nenhum comentário:

Postar um comentário