Aproveite

:

quinta-feira, 28 de julho de 2016

CAMPANHA DE CARNAVAL 2012 noticias de ( 1.Folha.uol )
O Ministério da Saúde lança hoje sua campanha de Carnaval contra a Aids em TV aberta com recuo no tema gay, em decisão que teve o dedo até da presidente Dilma Rousseff.
Em vez de enfocar o público-alvo da campanha (jovens gays), como prometido, o filme divulgado ontem traz um jovem e uma jovem citando dados epidemiológicos da doença, sendo somente um deles sobre os jovens gays.
Release divulgado no início do mês dizia que os filmes para TV e internet trariam situações com jovens gays e heterossexuais prestes a terem relações sexuais sem camisinha.
"Em ambos os filmes, surgem personagens fantasiosos -uma fadinha, no caso do filme do casal gay, e um siri, no casal heterossexual- com uma camisinha", dizia o release do ministério.
Folha apurou que Dilma quis, pessoalmente, assistir aos vídeos que geraram polêmica entre os movimentos sociais depois de serem liberados na internet. A presidente ficou irritada com o grau de irreverência dos filmes e vetou duas das três peças prontas para veiculação.
O primeiro exibia um casal homossexual que recebia a camisinha de uma fada. No outro, um homem aparecia em dúvida se tinha ou não usado camisinha na noite anterior. Ao final do filme, ele deixava o cenário montado em um elefante, em analogia à boa memória do animal.
A única peça aprovada pela presidente foi a direcionada ao público hétero. Em cenas quentes numa praia, eles acabavam recebendo uma camisinha de um caranguejo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário