Aproveite

:

sexta-feira, 24 de março de 2017

Estratégia que foi usada por  Rodrigo Maia, excluir servidores estaduais da proposta de reforma da Previdência Social deve acabar com a pressão de estados e pode ajudar na aprovação do projeto no Congresso Nacional.

"Tirando esses Órgãos da reforma, o resto do país são parasitas incapazes de defender seus direito e não precisam de aposentadoria, o nosso ja está garantido".
 A reforma em discussão na Câmara valerá para os trabalhadores da iniciativa privada e servidores públicos federais. Bombeiros, policiais militares e militares das Forças Armadas já estavam de fora do projeto.
"Eu acho que facilita muito a aprovação, acho que tira 70% da pressão que estava sendo recebida na reforma da Previdência. Você estava recebendo uma pressão que não era necessária. Então, agora, concentra nos servidores federais, no Regime Geral e vai ter um sistema saudável que garanta as aposentadorias", afirmou Rodrigo Maia.


Nenhum comentário:

Postar um comentário